11 de abril de 2014

Beautiful David



Há músicas que por muito me pertencem. Desculpe John Lennon, mas, em especial, esta música é minha. Cada verso e cada som representam a minha relação com o meu David. 

Por isto, John, caia fora! Não há espaço de algum dia estes versos tenham sido para seu filho Sean. Este diálogo é meu. Sou eu quem torce pela vitória de meu filho. Sou eu quem percebe suas mãos crescendo. As perguntas e dúvidas dele são pra mim. 

Então desinfeta John Lennon! Os sonhos do meu menino são únicos, não podem ser similares a sua música. Ops, a minha música.

Assim Johnn, deixe que cante - como cantei para ninar - Beautiful Boy só para meu filho. Você se foi e meu filho ainda quer que o veja crescer e cante, cante, até que, um dia, ele cante para seu filho.

Beautiful David